segunda-feira, 29 de maio de 2017

Quiromancia, poema RCF



 Xadrez no espelho photo xadrez-sozinho-espelho.jpg



As linhas da mão são
uma bola de cristal de carne
um tarô com dedos
um baralho com uma única carta.
As linhas da mão
não pintam nem bordam,
são mal traçadas linhas da vida.
As linhas da mão
seguem seus trilhos de pele
e dão a mão à palmatória:
costuram o futuro,
cosem o presente
e alinhavam o que não se pode pesar.


(do livro Memória dos porcos. Rio: 7Letras, 2012)


Nenhum comentário:

Postar um comentário